quarta-feira, 27 de julho de 2016

Mudei..

De um tempo pra que eu tenho ouvido muito "você mudou", "não reconheço mais você", "cadê aquela Carol de antes?".
Eu mudei, e eu não decidi mudar, a vida me mudou. Eu fiz escolhas erradas, eu ouvi as pessoas erradas e eu acabei mudando. Na verdade, eu não dei ouvido as pessoas que queriam o meu bem. Eu dei ouvido a uma pessoa que me humilhou, mentiu e me enganou. 
Eu só não to mais doce como eu era antes. Eu sempre fui doce com todo mundo mas é difícil viver em um mundo onde se você é boazinha as pessoas já te acham otaria e já vão abusando da sua boa vontade. A vida não é assim. As pessoas passam tanto tempo pensando nelas mesmos, em conseguir o que elas querem, e fazer o que elas pensam que elas não pensam mais ninguém. Não pensam como aquilo pode afetar outra pessoa.
Hoje em dia eu sou ignorante, eu não tenho paciência, eu tenho raiva, eu tenho medo. Eu tenho medo. Eu tenho medo de tudo que pode acontecer quando eu falo um "não" pra ele. Eu tenho medo da raiva dele. Hoje em dia eu não tenho paz, não durmo direito, passo o dia pensando no que eu fiz com a minha vida. No final das contas eu sei que fui eu que deixei que todo esse sofrimento chegasse. Fui eu que deixei que todos esses pesadelos me atormentasse. Fui eu que cultivei isso. Fui eu que ouvi e acreditei nas mentiras. Fui eu que pensei que tudo ia ficar bem. Fui eu que continuei respondendo.. Fui eu que não consegui evitar. Fui eu que me apaixonei. Fui eu que quebrei a cara. E olha agora, não tá nada tudo bem.
E quando as pessoas perguntam o que tá acontecendo eu não sei o que falar, eu não sei se tem alguma coisa que eu deveria falar, eu não sei ao certo o que acontece. 
Eu só mudei, eu não queria. Eu só queria ficar bem. Eu queria ser boa o suficiente pra sair com os amigos dele. Queria ser boa o suficiente pra fazer ele provar que tinha alguém. Queria ser boa o suficiente pra não ser enganada. Queria ser boa o suficiente pra ter a beleza que ele tanto procurava. Queria ser boa o suficiente pra ser amada.
Mas eu aprendi muito. Acho que eu sinto falta de ser o que eu era, hoje em dia eu não brinco mais e eu fico muito calada e ando triste por aí. Eu sinto falta de ser mais divertida e mais espontânea, e de ser feliz. Eu sinto. Mas eu amadureci nesse processo, e talvez mudar tenha sido uma boa coisa. Hoje em dia eu sei que to mais forte e sei que ele não era a pessoa certa. Sei que não era pra ser apesar de ter lutado pra dá certo. A vida continua, e seria errado eu parar a minha vida por causa disso.
Às vezes a mudança é para o nosso bem. 

Casar..

Eu tenho vontade de casar, ter filho, uma família. 
Mas eu queria ter planos antes disso tudo acontecer. Eu não tenho ninguém agora e não sei quando vou ter. Não tem ninguém agora que me faça ter vontade de entrar em um relacionamento sério. 
Eu quero me apaixonar com alguém que me faça esquecer de todas as dúvidas que eu tenho. Todo o medo de relacionamento e toda falta de confiança adquirida durante uma fase da minha vida. Eu quero conhecer alguém que me faça sentir ser amada e que me faça acreditar nesse amor de novo.
Eu tenho uma autoestima não muito boa, mas eu to tentando trabalhar isso, não é fácil, não é fácil mesmo, mas ela melhorou muito. E to em uma fase onde eu quero me amar. To longe de ser perfeita. Não tenho o peso que eu gostaria, nem a pele que eu gostaria e nem o cabelo. Não tenho nada como eu gostaria, mas é isso que eu tenho agora, e se eu pretendo melhorar esse elementos em mim, eu tenho que me amar primeiro. Me aceitar do jeito que eu sou, e com esse amo próprio eu vou começar a me cuidar por mim, porque sou eu que vou passar o resto da minha vida comigo,  é o mínimo que posso fazer por mim.
Mas voltando a parte onde eu falo dos meus planos, eu ainda quero morar sozinha, eu quero viajar com meus amigos e fazer loucuras, quero viajar totalmente sozinha, sei lá, tem tanta coisa que eu queria. Mas eu também queria ter alguém. Alguém que eu possa correr quando precisar de um abraço, alguém pra conversar a noite inteira, alguém que posso ser meu amigo.
Fico indecisa entre querer alguém agora ou não querer.
Eu sei que agora, nesse momento, não to no melhor estado emocional pra ter alguém. Passei por um relacionamento conturbado e eu criei muitas barreiras em mim. Mas eu sei que tudo vai melhorar.
Eu acredito em Deus e sei que na hora certo tudo vai se acertar e tudo vai acontecer na hora que tiver que acontecer.

Tired

 

Art

 

segunda-feira, 25 de julho de 2016

O dia que eu..

Esses dias eu fiquei bebada pela primeira vez e no dia seguinte eu me lembrei de tudo que eu fiz, o que me fez passar o dia seguinte pensando sobre algumas atitudes que tive bebada.
Por mais que eu tente esconder que eu não to bem, é impossível. Todo mundo que me conhece sabe que eu não to nada bem, mas eu reluto em afirmar que eu não to.
Eu to na casa da minha irmã, na Bélgica. Me permitir beber e não queria parar. Eu bebi bastante mas eu sou fraca pra bebida então eu fiquei bebada muito rápida.
Fiquei no computador conversando com três amigos meus e comecei a falar besteira, falei sobre ex namorado, falei que eu era feia é gorda, falei que precisava beijar na boca, falei pra um amigo meu não se apaixonar por mim, sendo que né, não iria rolar mesmo.
Quando saímos eu fala com todo mundo, TODO MUNDO mesmo. Nunca falei tanto inglês na minha vida igual aquele dia. Adicionei caras e fiquei me lamentando ou falando coisas boas sobre mim.
Eu falei para as pessoas me adicionarem no facebook porque eu ia ser uma atriz famosa. Pontos positivos porque esse é meu sonho e eu espero nisso, ser reconhecida por uma coisa que eu amo fazer e que quero passar o resto da minha vida trabalhando com isso. Às vezes eu duvido da minha capacidade, eu acho que nunca vou conseguir, não me acho boa o suficiente pra isso, mas é uma coisa que eu quero, e eu quero lutar por isso.
Eu perguntei se eu era gorda e feia, é porque é assim que eu me sinto e acho que tive a necessidade de tentar fazer as pessoas desconhecidas afirmarem que eu não sou pra eu me sentir melhor em relação a mim mesmo. Mas não adianta porque eu não me sinto assim e não vai ser por causa de uma noite que eu não vou mais me sentir assim, apesar de não ter ouvido nada de ruim.
Falei com todo homem que passava, acho que era a necessidade de ser vista pelos homens por me sentir sempre rejeitada, eu falava "hi handsome" pra todo homem bonito que passava, que absurdo, eu na vida não consigo nem olhar muito tempo pra um cara bonito. Acho que estava querendo me sentir desejada, não sei. Mas logo em seguida já perguntava se o motivo do meu ex nunca ter me amado de verdade era porque eu era gorda e feia.
Apesar do meu ex falar que me amava e que ainda me ama eu nunca me senti amada por ele, porque ele me tratava mal e quem amava não quer humilhar ninguém, não xinga ninguém daquela forma, não trata mal, não tem inveja, não quer te ver mal pra se sentir bem. Talvez ele tenha me amado em algum momento mas isso se perdeu porque parece que virou uma obsessão, eu tinha que ser dele, fazer o que ele queria que eu fizesse mas ele faz o que ele quer. Nunca fui boa o suficiente pra sair com os amigos dele, porque eu não tinha o corpo perfeito e nem era tão bonita quanto às outras meninas que ele já tinha saído antes. Mas eu, ao contrário, fiz ele ser amigo de todos os meus amigos, fiz ele ficar próximo de todo mundo. E ele falava que eu n era a menina com o corpo mais bonito que ele já tinha ficado, mas ele me amava. Que ele sempre quis uma menina com corpo perfeito e bonita, ele sonhava com uma menina como um troféu pra mostrar pra todo mundo. Eu não era essa menina. Eu não sou magra, nem tenho um bundao ou peitao, eu tenho marca de espinhas no rosto, meu cabelo não é um dos melhores. Eu não era qualificada para o posto que ele tava procurando. Eu chorei várias vezes enquanto estava nesse estado por causa dele. Eu falava que eu ainda o amava e que eu não deveria amar ele, eu questionei várias coisas e eu falei sobre isso e eu não gosto de falar sobre isso mas é um assunto que me atormenta várias vezes ao dia. Eu fico bem mas logo lembro e eu mudo totalmente, todo mundo percebe isso. To cansada de tanto perguntarem como eu to.

Será?

Eu todos os dias hahaha